App com georreferenciamento é disponibilizado para denúncias sobre Lázaro

Brasil Mais Seguro será usado exclusivamente para recebimento de denúncias sobre o assassino em série e está disponível de forma gratuita.


A força-tarefa da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO) que trabalha nas buscas de Lázaro Barbosa, 32 anos, em Girassol (GO), passa a contar, a partir desta quarta-feira (23/6), com um aplicativo de georreferenciamento para denúncias sobre o paradeiro do psicopata, foragido há 15 dias.


O app Brasil Mais Seguro será usado exclusivamente para recebimento de denúncias sobre o assassino em série e está disponível de forma gratuita para Android e iOS.


Segundo SSP-GO, a tecnologia filtra denúncias no raio de 100 quilômetros e identifica localização do denunciante, como forma de garantir a segurança do cidadão e diminuir as chances de trote.


Com objetivo de contribuir com a operação de captura de Lázaro, foi colocado à disposição da força-tarefa, de forma exclusiva e gratuita, o aplicativo que tem a capacidade de receber a denúncia dos moradores da região e identificar a localização do denunciante. A tecnologia de georreferenciamento contribui diretamente na operacionalidade da checagem das informações repassadas e garante a segurança do cidadão.


O tenente-coronel da Polícia Militar de Goiás (PMGO) Pedro Henrique Batista explicou que o aplicativo surgiu para otimizar o recebimento e a pronta resposta às denúncias. “O Brasil Mais Seguro pode ser baixado no celular e, a partir do momento que o usuário acionar o alerta, a informação vai chegar georreferenciada para nós. Vamos ter a localização exata, e saberemos que recurso empregaremos para dar uma resposta e averiguação mais rápida.”


Fernando Eduardo da Veiga, responsável pelo app, esclareceu sobre o funcionamento da tecnologia. “O aplicativo foi desenvolvido com baixo consumo de bateria e pouca memória para que todos os usuários possam baixar. Ele é totalmente gratuito e está disponível nas lojas on-line. É só fazer o cadastro e, no momento de qualquer pista sobre o foragido, clicar o botão de alerta, que já cai na central de monitoramento, agilizando a ocorrência, evitando as fake news e dando maior segurança para quem acionou”, explicou.


Fernando destacou que o dispositivo é usado exclusivamente para as denúncias sobre o paradeiro de Lázaro. “A denúncia é imediata para que a resposta seja a mais rápida possível.”


Matéria na íntegra: Metrópoles



GEORREFERENCIAMENTO DE IMÓVEIS RURAIS

marca_analisegeo.png
MAIS RECENTE: