Startup brasileira cria sistema automatizado para uso em Drones

Solução criada pelo Publicitário cearense realiza mapeamento, monitoramento e inspeção automatizada de Parques Eólicos, Usinas Solares e fazendas por todo Brasil.

A startup brasileira Dron Drones anunciou no início de outubro mais uma inovação no segmento de soluções empresariais aéreas com base na tecnologia embarcada em aeronaves não tripuladas. Por meio do uso de drones ou VANTs (veículo aéreo não tripulado), em parceria com a multinacional brasileira America Latina Science - Alscience, a Dron Drones possibilitou o desenvolvimento de uma tecnologia inovadora que possibilita o rastreamento e a localização de objetos e coisas, capturando milhares de dados e transmitidos em tempo real para facilitar o controle dessas áreas.

O objetivo da Dron Drones é tornar as operações com o uso de drones acessíveis às empresas de qualquer porte, permitindo conectar tags RFID, sensores, beacons, Bluetooth Low Enegy (BLE) diretamente ao sistema da empresa, que opera 100% na nuvem.

“Nosso sistema agrupa centenas de dados de ativos de várias fontes, como beacons ou tags passivas UHF, GPS ou sensores, transformando esses dados em processos de negócios automatizados na nossa plataforma de Gestão On Line”, explica Márcio Galvão, sócio-fundador da Dron Drones Tecnologia.

“Desde o ano passado exploramos todas as inovações do mercado para implantar nos drones. Nosso foco hoje são as soluções conectadas à Internet das Coisas (IoT)”, explica Galvão. “Nosso sistema é único e possui integração com tags para executar tarefas complexas, como: rotas predefinidas, busca e localização de ativos perdidos, sensores de umidade do solo e ar, monitoramento remoto de safras, gados, pessoas, infraestrutura, qualidade do solo e da água entre outras.”.

A Dron Drones Tecnologia começa a disponibilizar esta solução para os mercados de petróleo e gás, agricultura, transportes, governo, energia e manufatura. “Possuímos soluções de software e de hardware comparada às melhores do mundo da tecnologia VANT”, garante Márcio Galvão. “Nossa meta é oferecer às empresas, localização, condição e eventos relevantes para os negócios em tempo real”.

De acordo com Adriano Picanço, presidente da America Latina Science – Alscience, a primeira parte do projeto foi criar padrões dos objetos e sua localização por GPS e, então, gerar a autonomia dos drones.

O uso dos drones, explica a Sócia e Diretora de Negócios da Dron Drones, Suyan Campos, agiliza o processo de mapeamento e também permite alcançar áreas consideradas perigosas para as aeronaves maiores, como próximo de árvores e da rede elétrica. "A nossa intenção é quebrar paradigmas tecnológicos com relação a essas aeronaves", afirma. Como os drones chegam muito próximos das áreas escolhidas, reduzem-se os ricos de acidentes fatais.

O modelo de comercialização da Dron Drones prevê a venda de uma solução que contempla o equipamento personalizado e o treinamento para as pessoas aprenderem a operar o drone. A companhia tem a sua unidade de desenvolvimento em Fortaleza, no Ceará, onde os produtos serão fabricados.

Leia mais em www.www.drondrones.com.br

Márcio Régis Galvão é Gerente de Marketing na Alscience Engenharia, professor de Tecnologia VANT no Instituto de Formação Tecnológica, CEO na Dron Drones Imagens Aéreas e na Consultoria MRG Marketing. Atua como conselheiro de empresas na implantação de tecnologia VANT com experiência executiva no desenvolvimento e implantação de modelos de gestão. Nos últimos vinte anos tem sido consultor nas áreas de planejamento estratégico e desenvolvimento organizacional em empresas no Brasil e Estados Unidos.

GEORREFERENCIAMENTO DE IMÓVEIS RURAIS

marca_analisegeo.png
MAIS RECENTE:
MIGUEL NETO

Autor

 

Engenheiro Cartógrafo, com MBA em Auditoria e Gestão Ambiental. Palestrante e professor de Pós-Graduação em Geotecnologias e de Capacitação em Georreferenciamento de Imóveis Rurais. Membro do Comitê  Regional de Certificação de Imóveis Rurais. Saiba mais...

Inscreva-se

E FIQUE ATUALIZADO
Miguel Pedro da Silva Neto